Serrana- ADCR

SERRANA - Associação Desportiva Cultural e Recreativa de Serra D´El Rei

 Bem vindos ao Site da SERRANA - ADCR

 

                                                     

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------

- A 22 de Janeiro de 1909, foi fundada a Sociedade Filarmónica e Serra D´El Rei, tendo a mesma atuado em público pela primeira vez no Domingo de Páscoa de 1910;

 - Os fundadores: o Padre José Cândido Costa Leal, o Profº José Tavares dos Santos Lima e o Farmacêutico Artur Lopes Monteiro, conseguiram por bem pôr de pé esta coletividade, a qual subsiste ao longo de cento e seis anos;

 - Nos anos 60 (sessenta) a Sociedade Filarmónica de Serra D´El Rei deu Origem à SERRANA – Associação Cultural e Recreativa de Serra D´El Rei, tendo os seus estatutos, sido aprovados a 6 de Janeiro de 1967, pelo Sr. Governador Civil do Distrito de Leiria;

 - A 01 de Março de 1948, foi criado o Grupo Desportivo da Serra, dedicado essencialmente ao Futebol, tendo sido integrado em 1974 na SERRANA, após votação das respectivas Assembleias Gerais;

 - Em 1977 foram aprovados os novos estatutos com a integração do Futebol, tendo sido alterado a denominação da Associação para: SERRANA – Associação Desportiva, Cultural e Recreativa de Serra D`El Rei;

 - Em 1969 foi constituída a 1ª Comissão de Obras;

- Em Dezembro de 1973, foi aberto pela 1ª vez, o edificio ao publico;

 - Em 1975 foi constituída a 2ª comissão de Obras, que iniciou o Pavilhão Gimno Desportivo, tendo sido também procedido ao lançamento da 2ª Fase do projeto do edifício sede;

 - Em 1978 foi constituída a 3ª Comissão de Obras, cuja Acão permitiu a conclusão da 2ª fase do projeto do edifício sede, tendo sido o salão polivalente inaugurado a 1 de Janeiro de 1980;

 - A SERRANA foi reconhecida como Pessoa Coletiva de Utilidade Publica em 1981, pela ação que sempre promoveu no desenvolvimento desportivo cultural e recreativo da região e pelo serviço que tem prestado à comunidade;

 - Ao longo da sua existência, a SERRANA tem vindo a dedicar-se a várias atividades, tais como Banda Filarmónica, Escola de Musica, Ginástica Desportiva, Rancho Folclórico, Teatro amador, Xadrez, Pesca Desportiva, Atletismo, Ténis de Mesa, Karaté, Cicloturismo, Patinagem e BTT, as quais tem tido a participação dos sócios e da população em geral;

 - O Rancho foi Criado em 26 de Agosto de 1984, com iniciativa de Maria Crispim (Vina) e colaboração da D. Maria Helena Ângelo e o Srº Tiago da Silva Colégio. Os primeiros passos do Rancho foram ensaiados pelo Sr. José Sebastião Leal;

 -------------------------------------------------

 1ª Comissão de Obras, constituída em 1969 e extinta em Março de 1974

 Composta pelos seguintes elementos:

      - Aires Manuel Vieira Franco; Albertino Sebastião Leal; Amílcar Remédios Rodrigues; António Casimiro Monteiro; Arinaldo Correia Leal; Augusto Leal; Avelino Santos Monteiro; Carlos Alberto Alves Gouveia Abreu; João Rocha Sousa; Joaquim Jorge Maurício Vitória; Joaquim Leal Patriarca; José Ferreira Patriarca; José Maria Rodrigues Franco; José Maurício Patriarca; José Sebastião Leal; Manuel Rodrigues de Sousa; Policarpo Remédios Rodrigues; Tiago Leal Patriarca; Vítor Manuel Simões, Dionísio Machado Amador.

 - Em Dezembro de 1973 foram abertas pela primeira vez as instalações com a entrega da chave do edifício (1ªfase) à direção da SERRANA.

 2ª Comissão de Obras,

 - Em 1975 um grupo de sócios, que não foi possível identificar, e que incluía os elementos da direção, foi constituída a 2ª Comissão de Obras, que iniciou a construção no Pavilhão Gimnodesportivo (do qual só existe o piso), tendo também procedido ao lançamento da 2ª Fase do projeto do edifício sede.

 3ª Comissão de Obras,

 - Constituição – 16 de Janeiro de 1978 (Ass. Geral Extraordinária) – Acta nº18 de 16-01-1978 e Acta nº19 de 22-04-1978.

 - Extinção – 31 de Janeiro de 1982 – Acta nº44 de 31-01-1982 (cerca de 2 anos depois da comissão ter solicitado a sua extinção).

 - Composta pelos seguintes elementos:

 - Aires Manuel Vieira Franco, António Madeira Oliveira, António Manuel Viola, Artur Bernardo Amador, Dionísio Machado Amador, João Madeira Timóteo, José Avelino Amador Patriarca, José Maria Rodrigues Franco, José Ferreira Oliveira, José Maurício Patriarca, Policarpo Remédios Rodrigues, Tiago Leal Patriarca.